Vereadores discutem repasses a entidades do município

por Imprensa publicado 28/05/2019 08h55, última modificação 06/06/2019 14h01
Audiência pública
Vereadores discutem repasses a entidades do município

Audiência atendeu a um requerimento do vereador Gustavo Bonafé

Atendendo a um requerimento do vereador Gustavo Bonafé (PSDB), a Câmara de Poços promoveu uma audiência pública com o tema “Repasses a entidades sociais”. O encontro aconteceu na última sexta-feira (24), com a presença de representantes do Executivo e de diversas instituições do município.

Participaram do debate o secretário municipal da Fazenda, Alexandre Lino Pereira, a secretária municipal de Promoção Social, Luzia Teixeira Martins, e o coordenador de Controle e Avaliação da Secretaria Municipal de Saúde, João Carlos Naldoni. O público pôde se manifestar durante a audiência, através do uso da Tribuna e, também, dos questionamentos por escrito. As dificuldades enfrentadas pelas entidades, principalmente financeiras, foram as principais considerações feitas. Representantes de instituições ligadas ao atendimento a famílias de baixa renda, idosos e atletas falaram do trabalho realizado e da importância de ações visando à ampliação e melhoria do serviço prestado.

A crise financeira do município e os atrasos no pagamento às entidades foram assuntos abordados pelos secretários municipais. Segundo Alexandre Lino, a Prefeitura tem se esforçado para manter os repasses, sendo que o de abril será feito ainda esse mês. A secretária de Promoção Social, Luzia Martins, enfatizou que o município tem 28 termos de parcerias, que atendem a Proteção Social Básica, Média e Alta Complexidade. De acordo com a secretária, todos os serviços são muito importantes e não há prioridade para uma ou outra entidade. O que existe, segundo ela, é uma diferenciação no que diz respeito aos repasses de recursos dos Governos Federal e Estadual.

O vereador Gustavo Bonafé pontuou que gostaria de ter visto a presença de mais entidades na audiência. “Quando a gente abre espaços assim, para cuidar dessa relação do Poder Público com essas organizações, é de suma importância a participação. Até para que isso não se torne algo reativo, ou seja, quando as questões financeiras apertam, aí sim se tem uma mobilização. A audiência foi justamente para tentar minimizar esse tipo de situação no futuro", disse.

Sobre os encaminhamentos, o parlamentar ressaltou a possibilidade de realização de um Fórum, com a parceria da Câmara e Secretarias Municipais. "Além do encaminhamento da Secretaria da Fazenda, do acerto de uma mensalidade em atraso, estamos propondo a realização de um Fórum. O objetivo será um criar um diagnóstico mais profundo das demandas não só financeiras, mas também de outras áreas. E mais do que isso, buscar soluções em conjunto, um caminho de ideias e proposições práticas para transformar o cenário dessas organizações em Poços, devido à relevância e importância que elas têm no município. Provavelmente, iremos seguir por esse outro caminho, dando mais espaço ainda para contribuição delas no encontro de soluções", declarou.

O vídeo da audiência, com todas as apresentações feitas, está disponível para consulta no Portal da Câmara e na página do Legislativo no Youtube.

 

 

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados