Lucas Arruda busca informações sobre crescimento ordenado das regiões leste e sul

por Imprensa publicado 26/06/2019 09h50, última modificação 08/07/2019 10h16
Moradias populares
Lucas Arruda busca informações sobre crescimento ordenado das regiões leste e sul

Vereador defende investimentos em moradias, no entanto chama atenção para necessidade de infraestrutura adequada nos bairros

Dois requerimentos aprovados pela Câmara, de autoria do vereador Lucas Arruda (Rede), solicitam informações da Prefeitura sobre as ações que vêm sendo planejadas pelo município para receber as novas famílias beneficiadas com moradias populares nas regiões leste e sul de Poços. Segundo o parlamentar, o objetivo principal dos questionamentos é saber quais medidas podem ser adotadas visando ao crescimento ordenado da cidade.

As preocupações do vereador se referem, entre outras questões, ao prazo de entrega das moradias populares, condições adequadas de infraestrutura, abastecimento de água, tratamento de esgoto, segurança, serviços de saúde, vagas em unidades de ensino infantil, fundamental e médio, expansão da iluminação pública e ampliação das linhas do transporte coletivo.

Na região sul da cidade, o legislador ressalta que os investimentos são de R$ 30 milhões para moradias populares no bairro Jardim Esperança III. De acordo com Lucas Arruda, o Executivo anunciou a obra em fevereiro de 2018, através do Programa Minha Casa Minha Vida do Governo Federal, com a finalidade de construção de 390 apartamentos. No requerimento, ele destaca que a grande preocupação é com relação aos problemas já existentes na zona sul, como a questão dos alagamentos e abastecimento de água. “Em primeiro lugar, é preciso destacar a importância desses investimentos, que inclusive sempre defendi, e tiveram aprovação na doação dos terrenos pela Câmara Municipal. Precisamos buscar sempre a diminuição do deficit habitacional em nossa cidade, no entanto o que preocupa é a necessidade de um planejamento adequado e ordenado para que a população que já reside nessas localidades e as famílias que ali vão residir tenham dignidade”, diz.

Outra região que receberá novas moradias populares é a zona leste da cidade. Em novembro de 2017, a Prefeitura anunciou investimentos na ordem de R$18 milhões para construção de 246 unidades no Jardim Itamaraty. “Estamos acompanhando a construção de uma nova creche na região, além de melhorias na tubulação de água que vão garantir o abastecimento adequado em toda região leste, no entanto a mesma preocupação que temos com a zona sul se repete no Jardim Itamaraty. Como está o planejamento para receber essa população? ”, questiona.

Para Lucas Arruda, é preciso pensar que, daqui a algum tempo, haverá um crescimento considerável nessas regiões. “Queremos saber como a Prefeitura tem acompanhado esse processo, e quais medidas estão sendo tomadas para garantir os serviços básicos a toda essa população”, afirma.

Os requerimentos apresentados pelo parlamentar estão disponíveis no Portal da Câmara, em Proposições.

 

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados