Educação para o Trânsito é tema de encontro do Maio Amarelo

por Imprensa publicado 04/06/2019 09h55, última modificação 11/06/2019 10h25
Prevenção de acidentes
Educação para o Trânsito é tema de encontro do Maio Amarelo

Representantes do Demutran, Corpo de Bombeiros, Santa Casa, Samu e OAB Jovem participaram do debate

Atendendo a um requerimento do vereador Lucas Arruda (Rede), a Câmara de Poços realizou o Seminário Maio Amarelo, mês de mobilização e conscientização para redução de acidentes no trânsito. O evento aconteceu na última sexta-feira (31) e contou com a presença da psicopedagoga Stefânia Alvise Marcelo, do Observatório Nacional de Segurança Viária, que falou sobre o tema “Educação para o trânsito: qual o seu papel nessa causa?”.

Alunos dos Colégios Municipal e Nini Mourão estiveram na palestra e, segundo Stefânia, o objetivo principal foi chamar esse público para o debate. “Hoje, falei um pouco sobre a conscientização para os futuros motoristas, que são os jovens que estão próximos a tirar a Carteira de Habilitação. Quis mostrar a eles uma conscientização e uma educação da responsabilidade que vão ter a partir do momento que pegarem a CNH”, ressaltou.

Durante sua apresentação, Stefânia falou sobre os países que mais matam no trânsito, destacando que no Brasil, a cada doze minutos, uma pessoa morre em acidentes. De acordo com a psicopedagoga, os dados são alarmantes. “Mais de um milhão de pessoas estão morrendo no trânsito. Em Poços de Caldas, tivemos uma queda significativa, mas o Brasil de forma geral conseguiu reduzir apenas em 30%. Nós temos até o ano que vem para atingir a meta, que é 50%”, afirmou.

Para a observadora, o trânsito precisa ser discutido em todas as esferas. “O trânsito tem que estar na mesa do café da manhã de todo mundo. Precisamos levar o trânsito para dentro das escolas, [o tema] precisa ser permanente e contínuo. Ele faz parte da nossa vida, desde o momento que colocamos o pé para fora de casa já estamos com o ciclista, com o pedestre, com o motociclista e então estamos tendo alguma função, algum papel social”, disse.

Também participaram do Seminário o diretor do Demutran (Departamento Municipal de Trânsito), Rafael Tadeu Conde Maria, o subcomandante da 1ª Companhia Independente de Bombeiro Militar, capitão Ênio Virgílio Martins de Souza, o coordenador da Enfermagem de Urgência e Emergência do Hospital da Santa Casa, Tiago Dandré, a enfermeira e coordenadora do Núcleo de Educação em Urgência do Samu, Kátia Regina Fernandes de Souza, e o advogado, representante da OAB Jovem, Dr. Lucas Flauzino. Profissionais de autoescolas da cidade também estiveram no evento.

O diretor do Demutran falou de várias ações realizadas no município durante o mês de maio, como por exemplo a instalação de um medidor de velocidade em alguns pontos da cidade e a simulação de um acidente com crianças e jovens. Para ele, foi um mês muito produtivo e a discussão precisa ser mantida ao longo de todo o ano.

Já o capitão Ênio, do Corpo de Bombeiros, falou do trabalho realizado pela corporação, inclusive nos acidentes de trânsito, e também sobre palestras promovidas nas escolas de Poços sobre o tema. Para ele, o crescimento da campanha Maio Amarelo é muito importante. “Trabalhar a prevenção para nós é muito importante nos diversos setores e, com relação ao Maio Amarelo, a gente fica muito feliz de ver esse tipo de campanha. Eu sei que o Maio Amarelo tem tomado força, a gente acessa o Portal e vê que, ao longo dos anos, a adesão e a visualização dos vídeos têm aumentado bastante”, pontuou.

Segundo o vereador Lucas Arruda, a intenção é apresentar um projeto para que o Maio Amarelo seja implementado oficialmente em Poços. “É um Movimento Nacional, onde a conscientização é trabalhada. A educação no trânsito precisa acontecer o ano todo, mas em algumas datas é preciso chamar a população para o debate. Pretendo já colocar um projeto em análise, para que o Maio Amarelo seja implementado oficialmente em Poços”, afirmou.

O vídeo do Seminário Maio Amarelo está disponível para consulta no Portal da Câmara e na página do Legislativo no Youtube.

 

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados